Visitante

Olá visitante. Cadastre-se | Entre | Esqueci minha senha

OK Esqueci minha senha


Você está em: Sobrenatural.Org -> Matérias Especiais -> E seu nome era Mirian de Magdala


Matérias - Enviado dia 18 de Fevereiro de 2003

E seu nome era Mirian de Magdala

No mundo semita a pessoa é o seu nome. Dizer o nome de alguém significa elucidar a sua identidade. Assim, no nome de Maria Madalena ou Míriam de Mágdala, está expresso a missão e a vida dessa controvertida mulher dos primeiros séculos do cristianismo.



<%=Rs("titulo")%>


Cripta em Jerusalém

No mundo semita a pessoa é o seu nome. Dizer o nome de alguém significa elucidar a sua identidade. Assim, no nome de Maria Madalena ou Míriam de Mágdala, está expresso a missão e a vida dessa controvertida mulher dos primeiros séculos do cristianismo. Qual outra Beruria do Judaísmo, mulher do sábio Rabi Meir e figura feminina erudita que se destacou entre os rabinos, Míriam de Mágdala incomodou os discípulos homens da primeira hora, bem como aos judeus hostis ao cristianismo. Não por menos, os evangelhos canônicos a menciona 12 vezes. Vejamos o significado de seu nome.

Míriam é um substantivo composto de duas raízes, uma egípcia (myr) e outra hebraica (yam). Myr significa a amada e yam, Deus (abreviação de Yavé). Maria significa então a amada de Deus. Maria Madalena é amada de Deus, ou melhor, de Jesus. Outras raízes para Miriam provêm do hebraico mar que significa amargo e o ugarítico mrym que, ao contrário, significa agraciada, excelsa. Assim, Maria Madalena simboliza todo e qualquer ser humano que vive a eterna dualidade da vida: amargura e graça divina. Alegria e amargura são os dias do ser humano sobre a terra. Depois da tristeza vem alegria. Na tristeza, a alma chora. Na alegria, o ser humano sorri. Assim agiu a comunidade de Miriam de Mágdala no seguimento de Jesus.
Mágdala é, por sua vez, um substantivo hebraico. Nele estão unidos a preposição me que em português significa da e o adjetivo gadol, grande. Torre em hebraico se diz migdal. Maria é, portanto, a Mulher da Torre, Aquela que guarda, a Guardiã dos ensinamentos de Cristo. A torre era no mundo antigo o lugar que mais sobressaía nas cidades. Maria Madalena também era, assim, aquela que sobressaia diante dos apóstolos. Não teria isso gerado ciúme entre os seguidores de Jesus? Claro que sim.

Quem tem mais liderança em um grupo é o mais querido, mas também rejeitado por alguns. É significativo o fato do Evangelho de Maria Madalena ter conservado a seguinte fala de Pedro em relação à Maria Madalena: - "Será que Ele (Jesus) verdadeiramente a escolheu e a preferiu a nós?" (MM 17,20).

O Talmude, livro que princípios de vida dos judeus, deriva mágdala do aramaico magdilã, e que significa cabeleireira ou esteticista. Nessa definição estão presentes a cabeleira e o perfume, o que a identifica com uma prostitua. Devemos considerar essa possibilidade de tradução de Mágdala como mais uma das expressões do pensamento judaico conservador, que não admitia a liderança das mulheres.

No nome Miriam de Mágdala está o modo de todos aqueles que guardam a revelação de Deus, que a comunica em meio as amarguras e alegrias da vida.

http://www.franciscanossantacruz.org.br/jacir.htm


Avalie Comente Marque como Favorito Recomende

Opiniões

6 Comentário(s).

Mostrando as 5 primeiras.
Ver todas as 6 opiniões.



Comente

Somente usuários logados podem enviar opiniões...

Você já é um usuário cadastrado no site Sobrenatural.Org? Se sim, faça seu login abaixo. Caso contrário, clique aqui para efetuar o cadastro.

QUEM ENVIOU ESTE CONTEÚDO:

Frei Jacir de Freitas

Frei Jacir de Freitas

NOSSO CANAL NO YOUTUBE


NOSSO BLOG



PUBLICIDADE

PRODUTOS DA LOJA SOBRENATURAL

DIRETO AO ASSUNTO

INTERATIVAIDADE

http://bs.serving-sys.com/BurstingPipe/adServer.bs?cn=tf&c=19&mc=imp&pli=8942288&PluID=0&ord=[timestamp]&rtu=-1