Visitante

Olá visitante. Cadastre-se | Entre | Esqueci minha senha

OK Esqueci minha senha


Você está em: Sobrenatural.Org -> Relatos -> O Fantasma do Bandido


Relatos - Enviado dia 16 de Dezembro de 2014

O Fantasma do Bandido



Fantasmas...
Sei que muitos aqui acreditam nesses seres espectrais, ainda são um mistério no mundo científico e para muitos ainda é uma verdade.

 

A história que eu irei contar, foi contada para mim pelo meu amigo Marcio, ele é morador aqui de São Paulo e me contou este relato ontem.

 

O Fantasma do Bandido

 

A minha história com fantasmas acontecem nos anos 90, foi quando começou também uma grande onda de crimes em São Paulo, nessa época, o tráfico de drogas ficou muito forte aqui na região da zona sul de SP, especialmente aqui no Capão Redondo. Eu sempre fui um garoto criado na periferia, mas eu nunca me desviei do meu caminho, o caminho honesto. Infelizmente, muitos amigos meus não tiveram o mesmo pensamento e pagaram caro. Um desses amigos, era Roberto, um jovem de apenas 16 anos, Roberto era uma pessa muito legal, era educado e amava seus pais e amigos, oras, então qual o defeito de Roberto? Roberto era traficante, membro de uma das gangues mais perigosas de São Paulo, Roberto era gerente de uma boca de fumo aqui do meu bairro, sei que vocês são do tipo que execrariam Roberto apenas por ele traficar, mas convenhamos, o tráfico de drogas é apenas mais um comércio como qualquer outro, infelizmente esse comércio, por ser ilegal, está nas mãos de seres nefastos que são as quadrilhas de tráfico. Roberto era um ''traficante diferente'', ele tinha sonhos de terminar os estudos, mas ele não podia trabalhar e estudar para ajudar sua família de 3 irmãos e sua mãe, encontrou a saída fatal no tráfico de drogas. Bom, já contei bastante sobre o Roberto, agora vamos para a parte sobrenatural da história.

 

Era uma quinta feira, 08 de agosto de 1997. Roberto, como sempre, estava fazendo seu plantão em uma tarde ensolarada, era costumeiro ele ficar ali vendendo suas drogas. Aquele estava estranho, a mãe de Roberto, a dona Eunice, estava muito nervosa aquele dia, mas não percebemos nada até então. Eu voltava da escola por volta das 4 horas e cumprimentei Roberto, mas eu não fiquei lá ao lado dele pois eu não gostava de seus amigos, também gangsters. De repente, quando eu estava na esquina, vi 2 carros pretos entrando na rua em uma velocidade alta, prestei a atenção e então escutei os tiros, era um tiroteio entre gangues rivais, eu me escondi atrás de um carro e fiquei esperando aquilo passar. Pow Pow Pow, era muito tiro, tiro de tudo quanto é arma, era tiro de Glock e de espingarda doze, muita gritaria, até que 20 minutos depois tudo parou, o silencio pairava e eu fui verificar o que havia acontecido. Eu andei alguns metros e vi alguns corpos no chão, entre os corpos, havia o de Roberto que teve o seu rosto desfigurado por um tiro, provavelmente de fuzil ou calibre doze, percebi que era ele por causa de sua blusa. Logo veio os choros e lamentações dos familiares, Roberto estava morto, eu fui embora com um grande pesar e reforcei a minha ideia de que eu jamais deveria entrar pro crime.

 

Dois dias depois, eu levantei cedo e fui comprar pão, eu passei pelo local da tragédia e de longe eu vi um rapaz sentado lá no alto do morro, ele estava olhando para baixo e logo reconheci que era o Roberto, eu fui correndo em direção ao rapaz mas ele desapareceu. Fui para a casa da mãe dele e contei o acontecido, ela me disse que o filho lhe visitava quase todas as noites, ela sentia a presença dele, o fantasma dele assombrava aquelas paredes, eu também senti a sua presença. 

 

Eu continei vendo o espectro duranto um bom tempo, era sempre a mesma pessoa no alto do morro olhando para baixo, bem como o Roberto ficava, ele sempre tinha o mesmo olhar e a mesma roupa mas quando eu chegava perto ele desaparecia. A última vez que eu vi essa figura foi em 2008, logo após isso eu tive que mudar de casa, afinal eu comprei uma melhor, os anos de estudo deram certo e eu não posso reclamar da minha vida atual. 

 

É isso, eu só queria lhe contar esse caso sobrenatural que aconteceu comigo, eu não sei como isso acontece mas sei que acontece.



Avalie Comente Marque como Favorito Recomende

Opiniões

4 Comentário(s).

Mostrando Opiniões




Comente

Somente usuários logados podem enviar opiniões...

Você já é um usuário cadastrado no site Sobrenatural.Org? Se sim, faça seu login abaixo. Caso contrário, clique aqui para efetuar o cadastro.

QUEM ENVIOU ESTE CONTEÚDO:

Chakhal

Chakhal

Um cara normal que busca explicações para o mundo a minha volta


NOSSO CANAL NO YOUTUBE


NOSSO BLOG



PUBLICIDADE

PRODUTOS DA LOJA SOBRENATURAL

DIRETO AO ASSUNTO

INTERATIVAIDADE

http://bs.serving-sys.com/BurstingPipe/adServer.bs?cn=tf&c=19&mc=imp&pli=8942288&PluID=0&ord=[timestamp]&rtu=-1