Visitante

Olá visitante. Cadastre-se | Entre | Esqueci minha senha

OK Esqueci minha senha


Você está em: Sobrenatural.Org -> Vídeos -> Ouça o som de uma Estrela de Nêutrons girando


Vídeos - Enviado dia 3 de Maio de 2015

Ouça o som de uma Estrela de Nêutrons girando



* Conteúdo ainda não verificado pelo site Sobrenatural.Org, assim, não garantimos o conteúdo escrito nem a qualidade ortográfica da informação. Pedimos para os usuários que se copiarem informações de outros sites, cite e link para a fonte, mas muitas vezes não fazem. Se a informação é de sua autoria, nos comunique para colocarmos os devidos créditos. Outros problemas, entre em contato.

Quando certos tipos de estrelas explodem, no final de suas vidas, deixam em seu lugar um núcleo bastante pequeno, porém super denso, quente e altamente energético, que gira muito rapidamente sobre o próprio eixo. A cada volta, é liberado feixes eletromagnéticos potentes que são registrados aqui na Terra numa verdadeira percussão estelar.


Conhecidas como Pulsares, ou Estrelas de Nêutrons, esses objetos são formados quando estrelas de massa superior a oito vezes a massa do sol esgotam seu combustível nuclear até a ultima gota e, então, explodem. Essa explosão é chamada de Supernova, e marca a morete de uma estrela. É uma explosão tão brilhante que, mesmo a anos-luz da Terra, pode ser vista até pelo dia, como uma estrela em meio ao céu azul.


Enquanto a estrela morre, seus restos externos são jogados ao espaço, enquanto o seu núcleo continua a desmoronar, já que a fusão nuclear que mantinha a estrela em seus conformos não existe mais. A gravidade criada com este colapso é tão intensa, que os prótons e os elétrons ali presentes se comprimem uns com os outros, formando nêutros, além de transformar o outrara núcleo gigantesco num menor, com nada mais que dez quilômetros de diâmetro.


O núcleo fica tão denso, que apenas uma parte dele é mais pesado que todos os planetas do sistema solar juntos, e o sol e até os cometas!


Ainda na Supernova, o movimento da matéria em direção ao centro faz com que o objeto gire, sendo que, quanto mais matéria, mais rápida e intensa será sua rotação. Esse processo faz os prótons e elétrons ligados à superfície serem arremessados para fora, fluindo através das linhas do campo magnético em direção aos polos norte e sul.


Com o desalinhamento entre o eixo magnético e o de rotação, a estrela de nêutrons emite uma enorme quantidade de radiação pelos polos, que é lançada em diversas direções no Universo.


Então nasce um pulsar.


 






Avalie Comente Marque como Favorito Recomende

Opiniões

Conteúdo sem opinião até o momento...





Comente

Somente usuários logados podem enviar opiniões...

Você já é um usuário cadastrado no site Sobrenatural.Org? Se sim, faça seu login abaixo. Caso contrário, clique aqui para efetuar o cadastro.

QUEM ENVIOU ESTE CONTEÚDO:

Contos.

Contos.

Fiz esta conta essencialmente para postar CONTOS ou LENDAS URBANAS. Talvez alguma notícia. Bem, eu me vejo como, pelo menos, um bom escritor. Claro, ainda sou amador na área de escrever, mas eu acho que já posso produzir histórias, bem, digamos, agradáve


NOSSO CANAL NO YOUTUBE


NOSSO BLOG



PUBLICIDADE

PRODUTOS DA LOJA SOBRENATURAL

DIRETO AO ASSUNTO

INTERATIVAIDADE

http://bs.serving-sys.com/BurstingPipe/adServer.bs?cn=tf&c=19&mc=imp&pli=8942288&PluID=0&ord=[timestamp]&rtu=-1